Skip to content

PROPOSTA DE CURSOS E PESQUISAS PARA CETECMA, FAPEMA E AGERP

09/07/2012

Image

Propositor: Colegiado de Desenvolvimento do Território Rural Campos e Lagos

Colaboradores: Agência de Desenvolvimento Sustentável do TR Campos e Lagos (ADS) / Instituto Formação

PROPOSTA 01: CURSOS DE FORMAÇÃO PARA DESENVOLVIMENTO DA CADEIA DA PISCICULTURA

Ensino, Pesquisa e Aplicação de conhecimento em relação à:

1 – Mapeamento da piscicultura

2 – Legislação ambiental

3 – Captação e uso da água

4 – Construção de açudes – água e povoamento

5 – Tanque – Rede

6 – Diversidade de produção – integrando outros cultivos e criação  no entorno do açude.

7 – Alimentação

8 – Comercialização

9 – Beneficamento

10 – Processamento

PROPOSTA 02: DESENVOLVIMENTO DE METODOLOGIAS DE CAPACITAÇÃO ADEQUADA PARA O AGRICULTOR – SISTEMATIZANDO A PROPOSTA 01.

POTENCIAIS PARCEIROS NO TR CAMPOS E LAGOS:

CODEVASF – Companhia de Desenvolvimento do Vale São Francisco (água potável – beber e irrigação – comer)

Possibilidade: Instalação de Unidade de Referência na Piscicultura do TR Campos e Lagos

ESTAÇÃO CONHECIMENTO

Possibilidade: Contribuir com manutenção e ser base física de Unidade de Referência do TR Campos e Lagos

INSTITUTO FORMAÇÃO e ADS – INCUBADORA DE PROJETOS PRODUTIVOS

Possibilidade: Contribuir com processos de formação dos agricultores

SEBRAE

Ciência, Tecnologia & Inovação para o Desenvolvimento Regional

09/07/2012

Projetos de Pesquisa e Extensão Tecnológica

Apresentação

Processo de participação de todos os atores que compõem os sistemas, cadeias produtivas e aglomerados produtivos, no qual o poder público, a iniciativa privada, as universidades, os centros de pesquisa e as organizações do terceiro setor participam na constituição de uma nova Institucionalidade.

Objetivo

Criação de um ambiente organizacional e institucional, visando estabelecer um modelo de gestão e de desenvolvimento das atividades produtivas a serem estimulados e promovidos por políticas públicas que estimulem e apóie o seu desenvolvimento, de forma a contribuir para o desenvolvimento e crescimento das economias locais e regionais, gerando emprego e renda para as populações rurais e urbanas.

Definição das Atividades

Identificação dos sistemas, cadeias produtivas e aglomerados produtivos em que a Região apresenta vantagens relativas:

1-Eixo Produtivo (UEMA, AGERP, EMBRAPA COCAIS, SEDES/Gerencia Sociprodutiva, CONLAGOS, CONSAD, CODETER, SECTEC, UNIVIMA…)
-Agricultura Familiar (arroz, mandioca, hortifruticultura)

-Aquicultura e Pesca

-Meliponicultura e apicultura

-Animais de Pequeno Porte (Pato, galinha, suínos, caprinos e ovinos)

-Animais de trabalho (Cavalo baixadeiro)

2-Eixo Ambiental: (UEMA, CONLAGOS, SECTEC,UNIVIMA…)

-Recursos hídricos

-Gestão de resíduos sólidos

-Conservação da Biodiversidade

Diretrizes

Atuação simultânea nos cinco vetores estruturantes:

-Tecnologia.

-Organização da produção.

-Promoção comercial.

-Infra- estrutura.

-Capacitação.

 

 

TR CAMPOS E LAGOS PARTICIPA DE WORKSHOP DOS TERRITÓRIOS RURAIS SECTEC – SÃO LUÍS

09/07/2012

Imagem

Representado por Lozangela Mendes dos Santos, o TR Campos e Lagos participou desse evento que começou às 15h na sede da SECTEC Reviver, com a coordenação de Messias Nicodemus da Silva, da Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior do Maranhão-SECTEC-MA. Estavam presentes representantes das seguintes instituições: SEDES, UEMA, CONLAGOS, CODETER.

A reunião foi transmitida pela internet para o polo da SECTEC Pinheiro.

Foi apresentado por Lozangela o Território Campos e Lagos. Ela fez uma introdução da região, seu potencial, a gente da Baixada e seus sonhos; falou que era um território invisível para o Estado, mas visível para o mundo, tínhamos na Baixada a maior rede de Fóruns da Juventude e Agências de Comunicação Educativas do Brasil, a maior concentração de Técnicos Agreocológicos. Em seguida apresentou a proposta do CODETER para o Território.Boa parte das discussões foram pautadas na apresentação do Território.

Logo, Messias levantou questões de como as instituições poderiam contribuir no processo de desenvolvimento na Baixada.

O Representante da SEDES apresentou o PLANO DE SUPERAÇÃO DA POBREZA NO MARANHÃO, que vai até 2015. Alguns recursos estão abaixo relacionados:

Tem disponível 500 milhões de reais para o Maranhão.

 

Recurso:

Reforma Agrária 13.397.079,00

 

Regulamentação Fundiária 4.500.000,00

 

Regulamentação Área Quilombola 2.197.079,00

 

Assentamentos 2.200.000,00

 

Creditos 4.500.000,00

 

Comercialização (transporte e certificação) 10.060.000,00

 

Apoio a Quintais Produtivos 8.000.000,00

 

Criação de Animais 4.000.000,00

 

Piscicultura 5.500.000,00

 

ATER E APL’S 29.321.000,00

 

Diques Baixada 50.000.000,00

 

Total de recurso para Zona Rural

363.665.000,00

 

Total de recurso para Zona Urbana

136.335.000,00

 

Proposta da SEDES para o Território:
Acessar recurso pelo CODETER para aplicar na Baixada e ser referência.


Proposta da UEMA para o Território:

Apoio à pesquisa e análise;

Apoio na unidade de produção em São Bento,

Relataram a pesquisa do Cavalo Baixadeiro.

Proporam que as instituições produzissem um projeto Juntos para desenvolver no Território.

 

Proposta da SECTEC:

Que todas essas organizações façam um projeto compartilhado para Baixada.

Ficou estabelecida a data de 17 de julho para realização da oficina para consolidação do projeto.
Local-Sala 09-Curso de Medicina Veterinária – UEMA

Horário-14:00-18:00

 

ENCONTRO DE ABERTURA DA SAFRA DE MELANCIA 2012

09/05/2012

Foto:www.castanhal.pa.gov.br/noticias.php?idnoticias=674

José Benedito Gomes – Presidente do STTR
José Luiz Fernandes Ribeiro – Secretário de Produção e Abastecimento

O sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais de Arari e a Prefeitura Municipal através de sua Secretaria de Produção e Abastecimento realizam o Encontro de Abertura da Safra de Melancia 2012, nesta próxima sexta feira, dia 11 de maio às oito horas, no Auditório do STTR, com a presença do Secretário de Estado da Agricultura, Pecuária e Pesca, Dr. Cláudio Azevedo e várias autoridades do Estado.

O Encontro começará com café para convidados. Nesse encontro o objetivo é acertar assuntos de grande importância para a economia arariense. Na oportunidade serão abordados temas da maior importância para que possamos alcançar este ano uma safra de dois milhões de frutos.

 

Programação TR Campos e Lagos 2012

09/01/2012

TR CAMPOS E LAGOS

CONVITE

São Luis, 06 de janeiro de 2012.

O Instituto Formação, em parceria com a SDT/MDA/CAIXA é a responsável pela execução do Projeto custeio – Desenvolvimento Sustentável de Territórios Rurais, com Contrato de Repasse Nº 0333346-09/2010. O referido Contrato tem como objetivo: Apoiar o fortalecimento da Rede CODETER no Território Campos e Lagos, no Estado do Maranhão.

Em relação à meta Construção, Implantação e Acompanhamento do PTDRS e de projetos de Desenvolvimento do Território Campos e Lagos, atividade: Fortalecimento das Ações Quilombolas e das Quebradeiras de Coco do Território acontecerão três assessorias, nas seguintes datas:

1) 17 de janeiro de 2012, em Matinha (ADS – CODETER), das 9 h às 17 h, com o objetivo de realizar revisão e complementação de dados para o Plano Territorial de Desenvolvimento Sustentável e Solidário do TR Campos e Lagos.

2) 06 de fevereiro de 2012, em Matinha (ADS – CODETER), das 9h às 17 h para debate sobre certificações e titulações de áreas quilombolas.

3) 27 de fevereiro de 2012, para revisão final da cartilha, em Matinha (ADS – CODETER), das 9h às 17h para revisão do manual com conteúdos relacionados com as questões quilombolas e do Extrativismo do Babaçu.
Assim sendo, convidamos os membros do colegiado TRCL, especialmente os representantes das organizações quilombolas e do extrativismo vegetal para estarem presentes.
Contamos com a sua participação.
Cordialmente,

Cláudio Henrique Lima da Silva

Instituto Baixada deseja a todos boas festas!

12/12/2011

Território Campos e Lagos realizará III Reunião das Câmaras Temáticas

12/12/2011

Image

Acontecerá no próximo dia 15 de Dezembro , na cidade de Viana,  a terceira reunião das Câmaras Temáticas do território Campos e Lagos.  O evento irá contar com a participação de membros do CODETER e moradores das comunidades de 12 municípios do Território Campos e Lagos .

Conforme resoluções nº 48 e nº 52, do CONDRAF, para que o Colegiado Territorial faça a Gestão do Desenvolvimento Territorial, com eficiência, ele deve ser estruturado minimamente, a partir das seguintes instâncias: Plenário, Núcleo Diretivo e Núcleo Técnico, podendo, para ampliar o processo de ação e participação, constituir também Câmaras Temáticas que devem ter um caráter amplo, possibilitando a participação de quem se interessar pela questão: grupos autônomos, movimentos especificamente estruturados, organizações governamentais e não governamentais.

Pelos Motivos citados acima, sirvo-me do seguinte expediente para convidar os Membros do Colegiado Territorial Campos e Lagos e demais Entidades Parceiras para participar da Reunião de Consolidação das Câmaras Temáticas (Agricultura Familiar e Meio Ambiente).

Data: 15 de dezembro de 2011.

Local: Sttr de Viana-MA